Luzes da Cidade

domingo, 8 de março de 2009

Desencanto

Eleana Pellegrino





Talvez eu esperasse o seu retorno

a réplica

mas eu só me vejo abandono

só me sinto transtorno

um simples adorno

que já não lhe encanta mais!

Talvez eu esperasse a sua volta

a reviravolta que causa alvoroço,

mas eu me vejo apenas caroço

de um fruto que já não lhe apetece mais o paladar!

Eu sou o espinho que não lhe fere mais, baby

Eu sou a pétala que se despreendeu da flor

e virou apenas um detrito

uma vaga lembrança de perfume

um vago som de grito!

Nenhum comentário:

Salve