Luzes da Cidade

sábado, 10 de outubro de 2009

TOLA

TOLA

Tola
pensar que eu te acho tola
se em você escoa
o verso mais lindo
a palavra mais verdadeira
se prá você
reuno todos os meus tempos:
as horas enferrujadas do passado
os instantes presentes de êxtase
os momentos futuros
que nem precisam vir mais!
mas se os ainda merecer
vou arrumar mil braços
como um polvo para os acolher!
Tola
eu sou apenas uma bolha de sabão
uma folha sem escolha
o plástico que reveste o pêssego
mas não espanta o ímpeto do pássaro



Carlos Gutierrez

Um comentário:

bruna moraes ♪ disse...

Eu REALMENTE gostaria de saber quem são essas mulheres que lhe encantam tanto (:

Salve