Luzes da Cidade

sexta-feira, 8 de janeiro de 2010

SCRAPISMOS

Mando-lhe uns scraps
uns scrapismos
uns ursos infláveis e coloridos
umas flores que se abrem fáceis
em vasos gráficos
Mando-lhe umas confissões
sem riscos de vírus
tenho que fazer algo
algoz ou carinhoso
preencher o meu tempo
Amalgo meu âmago amargo
no pote de açúcar do seu desejo
preciso não dar folga aos meus sentidos
Scraps escapam sobre a tela
e se esfarelam em estrelas e corações partidos
Então venho engolir os seus comprimidos
encapsulados em seus scraps descomprometidos
para atenuar as dores
afugentando as dores da vida
descartando o conta gotas da insônia
chuva de horas perdidas
Mando lhe uns scraps
uns vídeos - ilusões possíveis -
uns depoimentos ressentidos
porque jamais serão aceitos
apenas displicentemente lidos
e espremidos em seu coração vítreo


Carlos Gutierrez

Nenhum comentário:

Salve