Luzes da Cidade

quinta-feira, 24 de dezembro de 2009

Aflição


Cacos espalhados
De espelhos quebrados
e aqueles retratos
retratos passados
todos ao meu redor
trazendo as mais tristes
e dolorosas lembranças
de quem já perdeu as esperanças
Daqueles retratos
saíam monótonos ruídos
soando em meus ouvidos:
Que tudo estava acabado
- um caso mal resolvido -
Coração magoado
E os mais ousados desejos perdidos
Ironicamente os espelhos refletem
o meu formoso e pálido rosto
A perca pelo gosto do que vejo no oposto
uma pele tão alva selada e marcada
por esta transparente lagrima
que escorre pela face
de uma expressao fascinante
Leve ardente e cicatrizante
como se fosse um sinal
de um coração aflito
penetrando no infinito... da alma!!!


Keila Lorrainy

Nenhum comentário:

Salve