Luzes da Cidade

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Pele a Pele

PELE A PELE
Eu quero a aderência de todos os meus sentimentos
em tua pele!
Eu quero que seja mais do que aderência!
Eu quero ser cicatriz,
enquanto inédito contato
e, depois, tatuagem,quando ela, voluntária, viajar
na verdade transpirante do meu tato.
Eu quero o toque mágico dos teus dedos,
percorrendo a superfície de todo o meu corpo
arrepiado de medo em não te agradar.
Eu quero o desafio do teu gelo
para que o calor do meu desejo possa evaporar.
Eu quero o teu domínio para a minha total entrega
Todo o teu fascínio em minha mais pura
e translúcida janela da contemplação!
Eu quero o teu perfume,
entorpecendo todo o meu cérebro.
Eu quero as tuas dúvidas e mistérios
para que eu possa descobrir ou inventar
todas as armas para te conquistar
e para me virar de avêsso
e, finalmente, próprio me encontrar!

Salve