Luzes da Cidade

domingo, 29 de novembro de 2009

Poetas Cegos

Poetas Cegos
E eram cegos os poetas John Milton e Homero
Poetas cegos!desprovidos
do convencional sentido da visão
Mas mesmo assim fizeram jorrar versos das trevas
Eles só podiam olhar para dentro
na luminosidade de suas almas
Não podiam ver paisagens
árvores flores montanhas riachos
só podiam sentir o vento
o farfalhar das folhas
a pele delicada das pétalas
as protuberâncias das pedras
a água sobre o corpo
ou entornada na garganta para matar a sede
Poetas cegos!
Eles não podiam ver as letras
a caligrafia refinada que oscila
e alivia o peso da alma sobre o papel
Eles desprovidos desse prazer
e do outro consecutivoo produtivo e emotivo ato de ler
podiam apenas deter na memória
o som e o impacto das palavras
que cada frase devora
Eram cegos os poetas John Milton e Homero!
Uma Ilíada conquistada às cegas
na saga de encontrar a luminosidade
nas trevas

Carlos Gutierrez

Nenhum comentário:

Salve